Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Lutar, criar, Reciclagem Popular!
Ferramentas Pessoais
Acessar
This is SunRain Plone Theme
Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Notícias nacionais / MNCR realiza planejamento estratégico para os próximos 5 anos de luta

MNCR realiza planejamento estratégico para os próximos 5 anos de luta

por mncr — publicado 04/09/2011 16h25, última modificação 31/01/2012 15h40
Reunião contou com a presença 32 catadores e catadoras

A Comissão Nacional, instância máxima de deliberação do MNCR, finalizou no dia 03 de setembro um encontro de 6 dias que elaborou  o planejamento estratégico para os próximos 5 anos de luta. A reunião contou com a presença 32 catadores e catadoras representantes das cinco regiões do país, além de delegados da Rede Latino Americana de Recicladores.

Agora o planejamento segue para consulta nas coordenações estaduais e nas bases do movimento para agregar contribuições que serão compiladas por uma comissão ampliada e, por fim, realizar o lançamento oficial do planejamento.

A Comissão Nacional definiu como missão do planejamento estratégico:

dsc_2613.jpg“Contribuir para a construção de sociedades justas e sustentáveis a partir da organização social e produtiva dos catadores de materiais recicláveis e suas famílias, orientados pelos princípios que norteiam sua luta (auto-gestão, ação direta, independência de classe, solidariedade de classe, democracia direta e apoio mútuo), estejam eles em lixões á céu aberto, nas ruas ou em processo de organização.

Reconhecemos ser de fundamental importância para as gerações futuras esse trabalho e temos consciência de sua importância também para as cadeias produtivas e políticas públicas de gestão de resíduos sólidos.

Com nosso conhecimento, construído através das lutas, encontros, formações e articulações nacionais e internacionais, nos fortalecemos. Conquistamos nosso reconhecimento e valorização e estamos contribuindo para transformações de mentes, das políticas públicas e de vidas.

Hoje dialogamos com toda sociedade a necessidade do controle social na gestão dos resíduos sólidos (gestão integrada), melhorando a qualidade de vida de todas as pessoas e de gerações futuras.

É nossa tarefa lutar pelo reconhecimento, inclusão e valorização do trabalho dos catadores e catadoras, auto organizando-os em Bases Orgânicas, com independência e solidariedade da classe oprimida, lutando contra a incineração e a privatização do lixo, minimizando os impactos ambientais, aumentando a vida útil do planeta e construindo o poder popular.”

Alianças e parcerias

A Comissão Nacional realizou também o dialogo com parceiros estratégicos para o fortalecimento e coordenação de ações de inclusão social e produtiva dos catadores no Brasil e na América Latina, entre eles os parceiros Fundação Avina, WIEGO, WWF e France Libertés.

Os catadores delegados da Red Latinoamericana de Recicladores  Silvio Ruiz da  Colômbia e Exequiel Tapia do Chile participaram de reunião com a Comissão Nacional e do planejamento estratégico. Colaboraram com as propostas em nível internacional e na definição de política de alianças em outros países.

Comissão nacional reunida

 

dsc_2802.jpg

 

dsc_2588.jpg

dsc_2579.jpg


Navegação