Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Lutar, criar, Reciclagem Popular!
Ferramentas Pessoais
Acessar
This is SunRain Plone Theme
Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Blog Sudeste / Catadores de São Paulo fundam Central Estadual de Comercialização Solidária

Catadores de São Paulo fundam Central Estadual de Comercialização Solidária

por secretariasp — última modificação 18/03/2011 16h27
Central deve reunir cerca de 6 mil catadores no Estado
Catadores de São Paulo fundam Central Estadual de Comercialização Solidária

Catadores votam mudança no Estatuto

Representantes de cooperativas e associações ligadas ao MNCR no Estado de São Paulo se reuniram nos dias 6 e 7 de Maio para fundar a CataSampa, uma cooperativa de segundo grau, com o objetivo de avançar na cadeia produtiva da reciclagem, prestar assistência técnica e educativa as organizações, além de desenvolver estudos e planejamento de viabilidade econômica, logística e industrialização de materiais recicláveis. A Central Cata Sampa é uma rede de economia  solidária que pretende atuar em todas a regiões onde o MNCR tem atuação reunindo cooperativas, associações e outras cooperativas de segundo grau em atividade no Estado. Pretende também promover o desenvolvimento social e econômico das organizações e das pessoas envolvidas no processo produtivo, por meio da colaboração recíproca, podendo fixar políticas de investimento de curto, médio e longo prazo, determinar linhas de atuação junto aos fornecedores e distribuidores, implantar sistema único de comercialização e faturamento de produtos e serviços, realizar convênios.

ass_central2.JPGA Central de catadores é resultado da fusão da Centcoop, cooperativa fundada em 2005 e a Rede de comercialização Catasampa que já tinha funcionamento prático na região da grande São Paulo, mas que não tinha figura jurídica. Com a fusão, a Rede Catasampa, Rede ABCD, Cata Vale, Oeste Paulista, entre outras, pretendem expandir a integração econômica e solidariedade entre as organizações de catadores no interior do Estado e outras regiões onde ainda não há atuação em Rede.  Durante a Assembléia foi construído o Estatuto Social da cooperativa central e feito o planejamento de ações e agenda para estruturação da Central.

No Estado de São Paulo existem cerca de 150 organizações de catadores em atividade divididas em 11 micro-regiões, estima-se que cerca de 6 mil catadores sejam incorporados na Central.

ass_central3.JPG

registrado em:

Navegação