Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Lutar, criar, Reciclagem Popular!
Ferramentas Pessoais
Acessar
This is SunRain Plone Theme
Você está aqui: Página Inicial / Artigos / Catadores fazem coleta em encontro de tecnologia

Catadores fazem coleta em encontro de tecnologia

por mncr — última modificação 27/01/2009 14h09
Campus Party é um evento de tecnologia de projeção internacional
Catadores fazem coleta em encontro de tecnologia

Batismo digital durante o Campus Party

Catadores da rede de cooperativas Cata Sampa, formada por bases paulistas do Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis (MNCR), realizaram a coleta de todos os materiais recicláveis gerados na Campus Party, megaevento voltado às novidades tecnológicas e atividades relacionadas à tecnologia e cultura digital.

É a primeira vez que os catadores do MNCR participam da coleta seletiva em um evento internacional, considerado o maior em inovação tecnológica e entretenimento eletrônico em rede, realizado entre os dias 19 e 25, no Centro de Exposições Imigrantes, em São Paulo, numa área de 38.000 m².

Segundo a coordenadora da Coleta Seletiva da Rede Cata Sampa na Campus Party, Lilian Nascimento de Sousa, a coleta de materiais foi satisfatória e a quantidade adquirida compensou o trabalho. “A coleta foi boa, deu para separar bastante material. Isso irá colaborar com a renda dos catadores”, disse Lilian. O evento rendeu aos catadores cerca de três toneladas de materiais recicláveis.

Os produtos mais utilizados no evento foram aparas, papelão, PET e latinha, entre outros. Parte da equipe de catadores ficou em um espaço reservado nas dependências do evento, onde os materiais recicláveis passaram por triagem e pesagem. Depois foram acondicionados em bags e posteriormente seguiram em caminhões para as bases de comercialização.

 

Batismo Digital

Cerca de 20 catadores tiveram acesso à área de inclusão digital do encontro, por meio do chamado “Batismo Digital”, que incentiva o uso da internet pelas pessoas que tiveram pouco ou nenhum contato com o mundo da tecnologia digital. 

Os catadores foram orientados por monitores especialmente treinados para despertar nas pessoas o interesse pela comunicação em rede. O catador Alberto José da Silva - que tem pouca experiência com computadores e internet – achou importante a iniciativa de inclusão digital que o evento proporcionou.  “Acho muito bom, porque aprendemos mais e adquirimos mais experiência”, disse.

De igual opinião, a catadora Regina da Silva ressaltou que realmente foi bom passar pelo Batismo Digital. Ao mesmo tempo, demonstrou grande contentamento por conseguir acessar o site do cantor Fábio Júnior. “Eles são muito atenciosos”, frisou, se referindo aos monitores do evento.

 

Causa ambiental

O Campus Party apóia a defesa da biodiversidade e a manutenção da sustentabilidade no planeta, por meio de uma ação online mundial que ajude a diminuir as causas e efeitos do aquecimento global. Em parceria com o setor público, ONGs e a iniciativa privada, foram apresentadas ações educacionais e científicas em defesa do meio ambiente.

O trabalho em parceria numa feira desse nível é muito importante para os organizadores do evento e a Rede Cata Sampa.  De um lado, há um empreendimento voltado à responsabilidade socioambiental. De outro, nota-se uma oportunidade de complementação da renda dos catadores e, conseqüentemente, uma maior contribuição com a questão voltada à preservação do meio ambiente.

Exemplo disso é que, com a prática de coleta seletiva em suas instalações, o evento Campus Party oferece condições para a emissão de créditos de carbono, uma espécie de moeda adquirida por países que têm um índice de emissão de CO² reduzidos.


Navegação